segunda-feira, 28 de julho de 2014

Dia dos Pais


 

Assessoria Pedagógica

Mediadora: Raylene Rêgo.

Data: 26/07/2014.

Pauta:

·         Sensibilização

·         Dia dos Pais

·         Socializando Atividade de planejamento para o subtema da unidade (projeto) orientada no encontro anterior

 

Planejando Ações: Dias dos Pais

Tema: Amor de Pai, Amor de Filho, como se dá essa relação?
 
 
 
Justificativa:
Lembrando que, como existem vários tipos de pais; não há regras para que o amor exista e por essa, a criança idealiza de alguma forma o seu Pai herói. Se, é o vovô, se é um tio, se é um primo a sua figura paterna, não importa, está valendo! O que a família deve considerar é o apoio, o carinho que essa figura representa na vida da criança.
 

 

Objetivo Geral: ·

·         Estimular e fortalecer a afetividade entre as crianças e os pais.

Objetivos Específicos:


·         Proporcionar momentos de reflexão sobre os diversos contextos familiares;

Promover e estimular a linguagem oral;

·         Estabelecer e ampliar as relações sociais;
  • Praticar a coordenação motora fina e ampla;
 

·         Desenvolver a expressão corporal;


·         Desenvolver a leitura através da visualização de figuras.

História do dia dos Pais

Dia dos Pais tem uma origem bem parecida com o Dia das Mães, porque a criação das duas datas teve como intenção valorizar e fortalecer os laços de amor e respeito com as famílias.

No Brasil o dia dos Pais passou a ser comemorado em 1953, sempre no segundo domingo de agosto. Por essa razão a data varia anualmente.

A data surgiu, segundo reza a história, quando um ex-combatente da guerra civil, chamado William Jackson Smart, perdeu sua esposa e assim teve que criar sozinho os seis filhos do casal ainda bem pequenos.

No ano de 1909, a sua filha Sonora Smart que admirava tanto o seu pai por tudo o que ela era e representava, dedicando a sua vida na sua criação e de seus irmãos, decidiu homenagear o seu herói. E assim, escolheu o dia dezenove de junho, por ser o dia do aniversário do Pai.

Com o passar dos tempos, outras famílias dessa mesma cidade e em seguida, todo o país, passaram a vivenciar a data, até que, o Presidente Richard Nixon tornou-a oficial.

Outras histórias existem a respeito da data. Atendendo a datas também variadas de país para país.
Por: Raylene  Rêgo. Pedagoga. Psicopedagoga Institucional.

Como estamos iremos vivenciar na III unidade os subtemas:

·         A criança e a importância do Diálogo, da Verdade e da Ética para a vida.

·         Direitos e deveres como ações de amor

Devemos evidenciar o que diz a Constituição Federal do Brasil, de 1988:

“o pai tem direito a cinco dias de licença após o nascimento de seus filhos, onde terá tempo para auxiliar a mãe do recém-nascido e fazer o registro do mesmo, em cartório”.

Culminância: Festa dos Pais

Projeto Anual

Onde encontramos Amor e onde encontramos a sua fonte?

Lema:

Vivenciando o Amor na família e na escola, vivencio a felicidade e vivo melhor em sociedade.

 

Palavras Chaves:

 Amor. Família. Escola. Sociedade. Felicidade

Professora:_________________________Turma:_____________

Ações que posso desenvolver:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu Recadinho


Glitter Text @ Glitterfy.com

UOL Notícias





Declaração Universal dos Direitos Humanos